Criando novas tradições

Por Tatiana Barros

Hoje vou falar um pouco sobre as tradições que vejo por aqui e uma maneira gostosa e criativa de entrar na dança.

Eu acreditava que o feriado de Thanksgiving – Dia de Ação de Graças – fosse uma tradição americana e não canadense. Mas descobri que, na verdade, esta é uma tradição antiga europeia para celebrar e agradecer por colheitas fartas. No Canadá, a celebração ocorre todo ano em outubro, enquanto os americanos o fazem em novembro. Conta a história que, quando um explorador inglês chegou à Newfoundland em 1578, ele quis agradecer pela chegada em segurança ao novo continente e celebrou o primeiro Thanksgiving no continente americano, 43 anos antes dos peregrinos em Plymouth, Massachusetts (nos EUA).

Ano passado, eu e um amigo resolvemos reinventar as comidas típicas do feriado, como o tradicional peru recheado e o gravy, molho feito com os ossos do bicho, legumes e vegetais, e a famosa torta de abóbora. Inspirados pela tradição, resolvemos criar nosso próprio cardápio: lasanha de peru com legumes e uma torta-bolo de pera e banana.

Peço desculpas desde já pois não vou passar medidas exatas nas receitas. Geralmente faço tudo a olho. Esta receita não depende da precisão das medidas para ficar gostosa então fique tranquilo, tudo dará certo!

Recomendo começar pela torta-bolo, assim pode deixá-la esfriar enquanto prepara a lasanha.

Eu não sei se o conceito de torta-bolo já existe, mas o que queríamos era um bolo com a casquinha da torta. É simples e delicioso! O bolo pode ter qualquer sabor e vocês podem escolher quaisquer frutas. Passarei a receita com os ingredientes que escolhemos. Eu queria que nossa sobremesa fosse colorida, então usamos corantes para alimentos.

TORTA-BOLO DE PERA E BANANA
Nota: Usamos massa para torta e mistura para bolos prontos. Se quiserem, podem fazer ambos do zero, claro.

1 mistura para bolo sabor baunilha
3 peras
3 bananas
1 massa pronta para tortas
corantes variados para alimentos

Prepare a massa de bolo de acordo com as instruções do fabricante e divida a massa em 4 partes. Reserve. Corte as frutas em cubinhos. Misture 1 corante de cada cor em cada tigela e adicione um pouco das frutas. Coloque a massa pronta para tortas em 2 formas médias e cubra-as com a mistura para bolos, intercalando as cores para dar um efeito divertido. Asse-as em forno médio, de acordo com as instruções do fabricante. Retire as tortas-bolos do forno e deixe esfriar.

E agora, a lasanha:

LASANHA DE PERU

massa para lasanha quanto baste
carne de peru moída (pode ser substituída por qualquer outro tipo de carne moída)
bacon, alho e cebola a gosto
sal a gosto
tomates, cenouras, cogumelos e mussarela quanto bastem para formar as camadas
molho gravy comprado pronto (é difícil de achar no Brasil; pode substituir por mais molho de tomate ou arriscar fazer um gravy como este aqui – receita em inglês)
água quanto baste
azeite de oliva quanto baste

Cozinhe a massa para lasanha em água fervente até ficar macia. Escorra-a e reserve. Cozinhe também a cenoura (eu gosto de cozinhar no vapor). Reserve. Frite a carne com um pouco de azeite, numa frigideira grande, em fogo médio. Reserve a carne e use a mesma frigideira para fritar os cubos de bacon. Retire a gordura deixada pelo bacon na frigideira e adicione os cogumelos. Cozinhe-os em fogo baixo, até ficarem macios. Reserve. Em uma panela, refogue a cebola e o alho picadinhos em um pouco de azeite e em seguida adicione a carne, o bacon e o tomate picado. Se necessário, junte 1 colher (chá) de mel ou açúcar para quebrar a acidez do tomate. Quando o tomate estiver cozido, adicione a cenoura e o cogumelo, misture tudo e tire do fogo. Em uma forma grande, coloque a primeira camada de massa de lasanha, cubra com uma camada de carne, seguida pelo gravy e cubra com a mussarela. Repita até encher a forma ou acabarem os ingredientes. Coloque para assar em forno preaquecido a 180⁰C para gratinar, verifique de 10 em 10 minutos para ter certeza de que não passará do ponto.